imgDestaque-DataFolha

Datafolha

Entre os diversos tipos de pesquisas realizadas pelo Datafolha, os estudos de comunicação constituem destaque. O Instituto é pioneiro no desenvolvimento de pesquisas nessa área, e os estudos se diferenciam por sua abordagem mais detalhada e aprofundada.

A experiência do Instituto na realização de pesquisas para medição do desempenho, tanto de propaganda como de merchandising, vem de longa data. Seu compromisso é dar suporte aos anunciantes, por meio do monitoramento do resultado de suas ações em curto prazo, o que permite ajustes ou redirecionamentos, sempre que necessário.

Há mais de vinte anos, o Datafolha realiza o estudo denominado “30 segundos”, que acompanha o desempenho das marcas em propagandas de TV , junto à população da cidade de São Paulo, mostrando a evolução de cada marca ao longo dos períodos e verificando o crescimento ou queda na lembrança. Os resultados são publicados mensalmente pela revista Meio & Mensagem.

O PRM – Painel de Retenção de Merchandising –, disponível desde 2004, é também uma ferramenta desenvolvida pelo Datafolha, para monitorar o desempenho das marcas em ações de merchandising na TV. A pesquisa permite quantificar e qualificar os resultados das ações de merchandising dos anunciantes. As medidas são realizadas em várias etapas, desde a lembrança espontânea até o reconhecimento estimulado com o story board. Os resultados de lembrança espontânea são publicados mensalmente pela revista Meio & Mensagem, para os mais variados programas de TV.

Essas pesquisas são realizadas de forma contínua na cidade de São Paulo, com expansões para outras praças, de acordo com as solicitações e necessidades dos clientes. Em ambos os produtos a técnica utilizada é a quantitativa, com abordagem pessoal dos entrevistados.

www.datafolha.com.br

Leitura rápida

Histórico

O Datafolha Instituto de Pesquisas foi criado em 1983, como base de planejamento e fonte de conteúdo para o Grupo Folha da Manhã e seu principal produto, o jornal Folha de S.Paulo.

Desde sua criação, sob os reflexos do cenário de redemocratização do país, o Datafolha fundamenta sua atuação no desenvolvimento contínuo de métodos e técnicas que visam refletir, com precisão e fidelidade, a opinião pública no Brasil.

O desafio de aliar rigor científico à agilidade jornalística que o ambiente da comunicação social exige, estimulou parcerias com o meio acadêmico, que figuram como um dos principais diferenciais do Datafolha ao longo de sua história. Essa proximidade gerou produtos característicos do Instituto, como o desenho de metodologias para acesso aos mais diferentes níveis de segmentos e linguagem da população brasileira, o controle total de procedimentos padronizados em todas as etapas de realização dos estudos, a abordagem profunda de temáticas de interesse específico e a importante presença operacional em todo o território nacional.

O repertório adquirido na operação e no desenvolvimento metodológico desses projetos é testado e aprimorado constantemente, tanto em processos eleitorais, quanto no atendimento dado de modo exclusivo aos clientes do mercado em geral do Datafolha.
O histórico do grau de precisão do Datafolha nas pesquisas de intenção de voto, realizadas desde 1984, é um parâmetro fundamental que referenda suas técnicas, além de configurar como inquestionável indicador de desempenho para a manutenção de sua forte imagem de credibilidade.

Estrutura de atendimento

O Datafolha está organizado de modo a atender, com eficiência e precisão técnica, tanto os Clientes Externos, nas suas mais variadas necessidades de informações, quanto às empresas do Grupo Folha.

A equipe de profissionais, comprometida em prover aos clientes informações e análises relevantes, tem um olhar especial e trabalha para que a parceria estabelecida seja pautada em confiança e credibilidade – chancela adquirida pelo Datafolha ao longo desses anos de trabalho e convivência intensos.

A estrutura diversificada do Datafolha permite que as mais variadas metodologias para o levantamento de informações sejam empregadas, sempre com o rigor técnico exigido: entrevistas pessoais (que podem ser realizadas no domicílio, em ponto de fluxo ou em central location), por telefone (com o auxilio do sistema CATI) e por internet (painel de internautas ou cadastro dos clientes).

 

fluxograma-historicoDataFolha

 

O Datafolha desenvolve todas as etapas dos projetos de pesquisa e está apto para atender os mais variados tipos de negócios e mercados. Sua experiência comprovada em estudos como: satisfação e lealdade, comunicação e saúde das marcas, segmentação, além de pré e pós testes de conceitos, comunicação ou produto, é o que garante a longevidade do relacionamento com seu clientes.

Estrutura operacional

Planejamento

Um estudo eficaz começa por um planejamento detalhado do que se quer saber e onde buscar os dados.

O Datafolha tem uma área de planejamento amostral completa, responsável pelo levantamento de dados secundários, elaboração, atualização e verificação de informações, o que é indispensável para obter resultados precisos, definindo a melhor opção para garantir a representatividade do universo.

Campo

O Datafolha tem estrutura própria para realização dos trabalhos de campo.

O comprometimento da equipe e a estrutura nacional, com coordenações regionais nas principais cidades brasileiras, permitem que o Datafolha cumpra essa etapa da pesquisa com segurança.

Entrevistadores, checadores e críticos são treinados constantemente por programas de qualidade, garantindo resultados seguros e sem distorções.

Todo o material coletado em campo é criticado e, no mínimo, 20% da produção de cada pesquisador é checada.

Análises estatísticas

Análise de Correspondência – técnica que permite por meio de representação gráfica, visualizar a associação entre objetos de estudo (produtos ou marcas x atributos).

Análise de Cluster – técnica que permite agrupar variáveis segundo suas características, formando grupos homogêneos. Os grupos obtidos apresentam homogeneidade interna (dentro de cada agrupamento) e heterogeneidade externa (entre agrupamentos).

Outras análises: Fatorial, Conjoint Analysis, Regressão Simples e Múltipla, além da construção de Indicadores.

Produtos contínuos

 

trinta-Segundos

Monitoramento da retenção de marcas em propagandas de TV.

 

dataFolha-PRM

Planejamento e monitoramento de ações de merchandising na TV.

 

dataFolha-Brasil

Pesquisa do tipo “ônibus”, com abrangência nacional. Os resultados são exclusivos, e os custos são compartilhados.

 

top-of-Mind

Estudo nacional no qual são reveladas as marcas mais lembradas pela população brasileira em diversas categorias.
Publicada anualmente pelo jornal Folha de S. Paulo.

Pesquisas

Pesquisa de mídia Datafolha
PRM – painel de retenção de merchandising

O PRM foi desenvolvido com o objetivo de quantificar e qualificar o desempenho dos anunciantes em ações de merchandising. A retenção de marcas em ações de merchandising pode ser mensurada em até quatro níveis.

•  Nível 1 → Totalmente espontâneo

Base do estudo sindicalizado, mede a retenção totalmente espontânea e o entrevistado pode citar várias marcas, sendo as corretas, denominadas de Retenção Líquida.

Nos estudos Ad-Hoc, são realizados outros três níveis de retenção:

•  Nível 2 → Com estímulo de categoria
•  Nível 3 → Com estímulo da marca
•  Nível 4 → Com estímulo da ação

Ao final é possível projetar a quantidade de indivíduos impactados pela ação da marca no(s) programa(s).

Indicadores Qualitativos: Para qualificar as ações de merchandising, são construídos indicadores que qualificam aspectos do programa e das ações da marca no programa, tais como Credibilidade, Persuasão, Agrado, Adequação, Impacto, Diferenciação, Relevância, Execução e Contextualização.

Parâmetro Datafolha: base histórica do PRM, constituída por dados desde 2004 com resultados quantitativos e qualitativos para os principais programas da TV brasileira (monitoria continua)

O PRM pode ser utilizado em dois momentos:

No Planejamento da comunicação, a pesquisa é realizada junto aos telespectadores do programa, antes da veiculação das ações e seu objetivo é planejar os programas mais adequados às ações da marca.

No Monitoramento da comunicação o Datafolha acompanha a marca anunciante nas ações de merchandising veiculadas nos programas através de pesquisas Ad-Hoc. Permite ao anunciante monitorar o resultado de suas ações em curto prazo, fazendo adequações ou ajustes em sua comunicação, sempre que for necessário. Cada ação é classificada de acordo com seu formato e o tempo de exibição total também é contabilizado, assim como o tempo dos demais anunciantes.

Faça download da pesquisa PRM – painel de retenção de merchandising

Pesquisa de Mídia Datafolha 30 segundos

O 30 Segundos é uma ferramenta do Datafolha Instituto de Pesquisas, elaborada com o objetivo de monitorar o desempenho das marcas em propagandas de TV, junto à população da cidade de São Paulo com idade a partir de 16 anos.  A pesquisa é realizada há mais de 20 anos e é publicada mensalmente pelo Meio & Mensagem.

É uma pesquisa quantitativa, com abordagem pessoal em pontos de fluxo, com estratificação por sexo e idade. As entrevistas são realizadas mediante aplicação de questionário estruturado, contendo as perguntas de Retenção Espontânea (marca, produto, descrição) e Propaganda Preferida.

São realizadas, em média, 600 entrevistas, distribuídas ao longo do mês. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos, dentro de um nível de confiança de 95%.

Faça download da pesquisa Monitoramento da Retenção das marcas em Propaganda de TV